Técnicas de Apresentação Para Profissionais do SESMT

No artigo de hoje, abordaremos as melhores técnicas de apresentação para profissionais de SST. ATRIBUIÇÕES DO SESMT A portaria 32.75 de 1989, que trata da atribuição do técnico de segurança, o CREA em sua resolução de 1987, que trata da atribuição do engenheiro de saúde e segurança no trabalho e o CREMESP de São Paulo […]
13 de julho de 2019

No artigo de hoje, abordaremos as melhores técnicas de apresentação para profissionais de SST.

ATRIBUIÇÕES DO SESMT

  • A portaria 32.75 de 1989, que trata da atribuição do técnico de segurança, o CREA em sua resolução de 1987, que trata da atribuição do engenheiro de saúde e segurança no trabalho e o CREMESP de São Paulo da resolução 156, que trata da atribuição do médico do trabalho, tem em comum que o profissional do SESMT precisa passar para o empregador e para o empregado, as informações sobre os riscos que existem dentro do ambiente de trabalho através de palestras, através de treinamentos, através de oratórias, através de campanhas de intervenção na empresa, que muitas vezes, acontece por meio de uma apresentação (de powerpoint, mapa mental, etc.). Então, quanto melhor for essa apresentação, mais fácil será convencer as pessoas sobre os riscos que existem.

OBJETIVOS DE UMA APRESENTAÇÃO DE SST:

  • Prender a Atenção
  • Fazer Refletir
  • Impactar a Audiência
  • Aumentar a cultura de Saúde e Segurança no Trabalho

TÉCNICAS PARA O APRESENTADOR:

  • Conte Histórias – o ser humano é fascinado por histórias. Então, antes de começar a apresentação técnica, inicie contando uma história, de preferência verídica, sobre algum trabalhador que tenha sofrido algum acidente no ambiente de trabalho. Isso prenderá a atenção do público.
  • Ande pela Sala – andar pela sala traz uma conexão maior, tornando a apresentação mais dinâmica. Lembrando claro, de sempre respeitar os limites do espaço físico e do público.
  • Sorria – obviamente, ao contar uma história triste, não é apropriado sorrir. Mas na maior parte do tempo, sorrir abre portas, sobretudo quando se recebe um sorriso de volta.
  • Olhe para o Público – talvez você já tenha ouvido falar que, ao sentir vergonha durante uma apresentação, devemos olhar para um ponto fixo. Mas na verdade, isso passa uma sensação de insegurança maior ainda. Ao olhar para o público, sobretudo em uma apresentação de SST, você transmite mais segurança para os trabalhadores e entrega o conteúdo de forma mais clara.

4 ETAPAS DE UMA APRESENTAÇÃO

  • Segurança sobre o Tema – é necessário estar tão seguro sobre o que será ensinado no treinamento, ao ponto de sentir que nada poderia ser um problema durante a apresentação. Esteja consciente que a insegurança te impede de impactar, de fazer refletir, de atingir o objetivo.
  • Objetivo da Apresentação – é indispensável ter clareza sobre qual é o objetivo da apresentação, pois só assim você se sente realmente seguro.
  • Metodologia – é sobre qual meio será utilizado para entregar o conteúdo ao público (músicas, histórias, somente a própria fala, etc.).
  • Introdução, Conteúdo e Conclusão – o conteúdo propriamente dito, no começo, meio e fim.

FERRAMENTAS

  • Fala – a fala precisa ser dosada nas apresentações. É preciso saber o momento de subir o tom de voz, de baixar, de usar um tom mediano. Tudo isso com o intuito de prender a atenção do público.
  • Dicção – o público precisa entender o que você está falando.
  • Corpo – é importante que haja uma sincronia entre a sua fala, a sua dicção e o seu corpo. Se a sua fala é alegre, o seu corpo precisa transmitir essa alegria. Se estiver compartilhando uma história triste, seu corpo precisa acompanhar o sentimento.
  • Método – é a forma como a informação será transmitida, por exemplo, através de músicas, de uma gincana, etc.


© Escola da Prevenção - Herbert B Faria Treinamentos CNPJ 18.768.540/0001-85 Todos os direitos reservados.

Siga-nos