Como Avaliar A Eficácia De Um Treinamento De SST

Neste artigo, você conhecerá as melhores estratégias para avaliar um treinamento de SST, tanto para os ministrados por profissionais de dentro da empresa quanto aqueles que são contratados com profissionais de fora. A seguir, entenda mais sobre o assunto: Por que fazer treinamento: Mudar comportamentos de inseguros para seguros;Atender a um requisito legal;Capacitar e habilitar […]

Neste artigo, você conhecerá as melhores estratégias para avaliar um treinamento de SST, tanto para os ministrados por profissionais de dentro da empresa quanto aqueles que são contratados com profissionais de fora. A seguir, entenda mais sobre o assunto:

Por que fazer treinamento:

  • Mudar comportamentos de inseguros para seguros;
  • Atender a um requisito legal;
  • Capacitar e habilitar trabalhadores;
  • Diminuir ou eliminar acidentes de trabalho;
  • Aumentar a cultura de segurança na empresa.

Qual o seu objetivo:

  • Reforçar no trabalhador a percepção de risco de sua atividade e trazer o conhecimento de riscos específicos da empresa.

Pontos de resultados:

  • Objetivo é a saber se o treinamento causou o efeito desejado, se o que foi ministrado no treinamento está sendo utilizado. Caso a resposta seja negativa, um plano de ação, correção ou mesmo medidas administrativas devem ser tomadas.

Formas de avaliar o treinamento:

  • Através do Benchmarking Interno, ou seja, avaliar se a imagem interna dos profissionais treinados melhorou, por meio de pesquisa dentro da própria empresa (departamentos, gerências, etc.), nas unidades cujas práticas tenham se mostrado melhores;
  • Analisar se a forma como o trabalhador está realizando suas atividades pós-treinamento melhorou, isto é, verificar se ele adotou um comportamento mais seguro;
  • Analisar também se a eficiência pessoal do empregado melhorou. Isso significa o modo como ele está tratando o tipo de serviço a ser realizado, ou seja, se agora ele se antecipa aos riscos, posteriormente ao treinamento;
  • Com isso, observar se esse trabalhador propaga a informação adquirida no treinamento.

Detalhes sobre os treinamentos de SST:

  • Os instrutores destes treinamentos precisam ter proficiência, sobretudo quando se fala de segurança e saúde no trabalho, já que essa é uma questão um pouco mais diferente do que a qualidade, a garantia, um laboratório, etc. Instrutores proficientes ajudam no reconhecimento da eficácia do treinamento;
  • Os instrutores também precisar saber passar a informação corretamente;
  • O conteúdo do treinamento precisa ser adequado e estar de acordo com a legislação de SST;
  • A empresa precisa dar condições para o empregado usar corretamente o que foi ensinado durante o treinamento;
  • A maior parte dos trabalhadores precisa ser treinados para que a avaliação de eficácia seja correta.

Normas para treinamentos de SST:

  • ISO 10015 que fala sobre treinamentos;
  • ISO 45001 que fala sobre gestão de SST;
  • Normas Regulamentadoras de Segurança e Saúde no Trabalho (decretos, portarias) e que também tratam de treinamentos.



© Escola da Prevenção - Herbert Bento & CIA Treinamentos LTDA CNPJ 18.768.540/0001-85 Todos os direitos reservados.

Siga-nos